Miau preguiçoso

Miau preguiçoso
Delicioso camarão no abacaxi do Comercial Ramon

Continuando nosso besteirol sobre as amizades que seriam impossíveis e são bastante possíveis, vamos falar hoje sobre a amizade entre Tom (gato) e Jerry (rato).

Tal como nos desenhos do Tom e Jerry de Hanna – Barbera, nos quais normalmente o primeiro (Tom) não consegue apanhar o segundo (Jerry), mas na vida real parece que os chanins estão a perder a guerra contra os roedores. Segundo um estudo científico divulgado na revista Frontiers in Ecology and Evolutios, os gatos domésticos não são melhores predadores de ratos num ambiente urbano. Em 79 dias, os investigadores só registraram dois ratos mortos por miaus.

No estudo indica – se também que o tamanho dos ratos urbanos (em média 330 gramas, no estudo) é muito maior que do que outros roedores nativos, quando os gatos domésticos preferem presas menores (pássaros pesam 15 gramas e um rato pequeno 30 gramas. Os gatos não são bestas…).

Costela de porco de lamber os dedos, lá do Comercial Ramon

Em 79 dias, os investigadores capturaram 20 ratos caçados e três tentativas de gatos matadores de ratos, mas só duas foram bem-sucedidas – em ambos os casos, os gatos encontraram ratos escondidos. A outra tentativa falhou porque foi uma perseguição e o gato perdeu o interesse. Os investigadores confirmam também que os ratos se tornaram menos visíveis, passando menos tempo em espaço aberto.

Em resumo: os gatos querem que os ratos se entreguem porque preferem a raçãozinha a correr atrás do almoço e da janta.

Fonte: www.dn.pt

Bila Cavalcante

Um comentário em “Miau preguiçoso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao Topo